Pesquisar no site


Contato

Secretaria Paroquial
QNM 29 Módulo K
Cep: 72215-290
Ceilândia Sul - DF
facebook oficial: https://www.facebook.com/paroquia.santoantonio.503/?ref=hl

Fone (fax): (61) 3373-3218
Celular: (61)

E-mail: psantonio.ceilandia@gmail.com

Dízimo

Desde os tempos antigos, parte de tudo aquilo que os filhos de Deus ganham no seu trabalho é oferecido a Deus. Seus holocaustos, sacrifícios, ofertas e dízimo. Foi assim com Adão, Abraão, Melquisedec até os dias de hoje.

 “De todos os dons que receberdes, separareis uma parte para o Senhor: tomareis a porção consagrada do que houver de melhor em vossos dízimos.”(Num 18,29)

Este devolver parte a Deus é principalmente sinal de crescimento na fé e desapego aos bens materiais. Diz Santo Agostinho: “Dar o que me pertence é liberalismo, dar a Deus o que lhe pertence isso é devolução”.

O dízimo é um ato de fé, de compromisso, de gratidão e de reconhecimento a Deus pelo que Ele é e pelo que fez e faz por nós. Ao oferecer o Dízimo, o cristão expressa a sua convicção de pertença a Deus, tanto de si mesmo como de tudo o que possui. Antes, portanto, de ser partilha o Dízimo é ação de graças.

A Evangelização é dever de todo cristão e base da Igreja. Quem contribui com o dízimo auxilia na divulgação do Evangelho.

Quando você vem à Igreja participar da Santa Missa, percebe que tudo o que existe aqui é para o seu próprio bem. Você encontra tudo que é necessário para uma boa celebração: a estrutura para recebê-lo; a Igreja limpa e ornamentada; materiais e utensílios litúrgicos (hóstias, folhetos, etc.). Além disso, as contas da paróquia estão pagas: luz, água, telefone, o salário dos funcionários... Algumas pessoas percebem tudo isso, mas não sabem que alguém está contribuindo para que aconteça. Para atender a estas necessidades e outras aqui não mencionadas, a paróquia necessita do Dízimo de todos.

Embora a palavra Dízimo tenha o significado de décima parte, ou dez por cento, cada pessoa deve livremente definir, segundo os impulsos de seu coração, qual seja o percentual de seus ganhos que deve destinar ao dízimo a ser entregue para a sua paróquia.

 

Cadastro

Você que sente vontade de se inscrever como dizimista, procure a Equipe de Plantão durante as missas ou a Secretaria da Paróquia, fazendo o seu cadastro.
E você que suspendeu temporariamente a sua contribuição, renove a sua aliança de gratidão com Deus.
Olhe para frente, recomece a partir deste mês.

     Se você preferir, pode preencher o cadastro abaixo que será encaminhado à Pastoral do Dízimo.

Nome  
Data de nascimento  
Endereço  
   
Telefone Residencial  
Telefone Celular  
Telefone Comercial  
Estado Civil   SolteiroCasadoDivorciado
Se casado, nome do cônjuge  
Data de nascimento do cônjuge  
Data de casamento  
E-mail (não é obrigatório)